O que é que o teu curso não te ensina?

downloaded_college_education_889645

Uma das maiores referências na minha vida profissional e que mais influenciaram a minha forma de pensar sobre marketing, carreira e negócios no geral é o Seth Godin.

É normal que assim seja porque o Seth Godin é considerado uma das (senão A) maiores referências mundiais no que toca a marketing (e não só). O homem é um génio.

O que é interessante é que em 3 anos a tirar uma licenciatura de Marketing e Publicidade, nunca em altura alguma lemos alguma coisa dele (apesar de ter escrito mais de uma dúzia de best sellers), ou sequer o nome dele surgiu.

Tive de o descobrir sozinha, por acaso.

Hoje percebo porquê. Não é um autor que seja dado a fórmulas ou métodos, mas sim a colocar questões difíceis e guiar o leitor a descobrir a resposta por si mesmo. Exactamente o oposto de um manual escolar onde se decoram conceitos e respostas para debitar num exame.

O problema é que os desafios que nos surgem na vida e no trabalho nunca são problemas de resposta fácil. Não são exames com consulta. Por isso, deixo aqui uma questão:

O que é que o teu curso universitário não te ensina?

É isso que deves estudar.

Licenciado. E agora, mestre.

master yoda

Nomeei esta secção “Licenciado. E agora?” porque o tema central é a gestão do início de carreira e a maioria de nós entra licenciado no mercado de trabalho. Mas todos sabemos que desde Bolonha qualquer finalista considera pelo menos uma vez a opção de fazer um mestrado, razão que me leva a escrever este post.

Antes de mais, quero deixar bem claro que sou uma learning junky, a favor do investimento no ensino. A favor de licenciatura + mestrado tudo de enfiada, é que nem por isso.

É claro que cada caso é um caso e há cursos em que faz sentido, outros em que o mestrado é integrado e sem ele não se obtém uma licença profissional. Mas falo numa perspectiva geral e não para estes casos particulares ou para quem quer seguir uma carreira académica.

Encontrei um artigo no Expressoemprego.pt que refere porque os mestrados são uma boa opção, com muito bla bla bullshit sobre estimulação intelectual bla bla à mistura. Se estás a ponderar essa decisão, considera também as razões pelas quais pode ser uma má opção. Continue with reading

Subscrever

Recebe posts novos directamente no teu email.